Projeto COBRAS BRASILEIRAS em Português e Inglês, será utilizado para a identificação rápida e eficiente de víboras, serpentes, aranhas, lacraias, escorpiões e como ajuda nas medidas iniciais do tratamento de acidentes por animais peçonhentos da fauna brasileira.

O Projeto COBRAS BRASILEIRAS se constitui num grande Portal na internet, um livro impresso e eBook “Manual de Campo”, um livro infantil e eBook, um DVD abordando o mesmo assunto e uma exposição fotográfica itinerante para promover a conscientização pública.

O portal na versão Português (www.cobrasbrasileiras.com.br) e inglês (www.brazilian-snakes.com), além de uma completa fonte de pesquisa, é utilizado como um canal de serviços,e de utilidade pública para os seus usuários: médicos, técnicos da saúde, acadêmicos, biólogos, e a população em geral.

A tecnologia da internet, como veículo oficial do Projeto COBRAS BRASILEIRAS, permitirá que as comunidades mais carentes e mais distantes dos centros urbanos também tenham acesso facilitado às informações técnicas e centenas de imagens fotográficas do seu banco de dados.

A sobrevivência ou agravamento da saúde da vítima de animais peçonhentos dependerá muito das medidas iniciais adotadas e, dai, a importância de uma boa fonte de informações para a sua identificação.

O Projeto conta com uma equipe de consultores de alto nível, todos profissionais em suas áreas e fazendo parte de Universidades e Instituições prestigiadas mundialmente neste setor.

O Projeto COBRAS BRASILEIRAS, através de seu eficiente e moderno design editorial, por sua maneira simples de divulgar informações técnicas complexas, através de consultoria com diversos profissionais do ramo e de extensa pesquisa, será uma fonte de referência para consulta de grande utilidade para a população. Será dinâmico com a adição gradual de novos elementos.

O Projeto vai gerar um bom retorno publicitário e uma imagem social muito positivo para os seus investidores.

O Problema com animais peçonhentos

No Brasil, durante as próximas 24 horas, nada menos que 274 pessoas terão sido mordidas por algum animal peçonhentos, e poderão sofrer lesões graves de saúde ou até a perda da vida.

Hoje em dia os acidentes por animais peçonhentos ainda se constituem num sério problema de saúde pública no Brasil, tanto pelo número de casos registrados, quanto pela gravidade apresentada.
Estes acidentes podem conduzir à morte ou a seqüelas capazes de gerar incapacidade temporária e até definitiva para o trabalho.

Como a população humana se expande e o habitat dos animais é reduzido, os acidentes por animais peçonhentos continuam a crescer. A OMS (Organização Mundial de Saúde) estima que cerca de mais de 5,4 milhões de acidentes por animais peçonhentos ocorrem a cada ano. Só no Brasil, isso equivale a quase 100.000 acidentes anualmente.

Acidentes com animais peçonhentos está classificado em terceiro lugar na MÉDIA ANUAL DE AGRAVOS - SINAN — Sistema de Informação de Agravos de Notificação - Ministério da Saúde (ver estatísticas)

Problemas área saúde

Os dados citados abaixo por si só justificam a criação do Projeto COBRAS BRASILEIRAS:

Conforme informação do Instituto Butantan, no Brasil são registrados mais de 20.000 acidentes ofídicos por ano. (Acidentes com Animais Peçonhentos.pdf)

Em 2005, as autoridades de saúde registraram quase 100.000 ataques por animais peçonhentos (informação site do Ministério da Saúde).

No mundo registra-se anualmente cerca de 5.000.000 de acidentes por animais peçonhentos das quais entre 50 e 75% requer tratamento para prevenir a morte, amputações ou seqüelas permanentes (informação site do Ministério da Saúde).

Estimativas recentes, que são fragmentárias, sugerem que no mundo inteiro, as cobras venenosas causam 5,4 milhões mordidas, cerca de 2,5 milhões envenenamentos e mais de 125.000 mortes por ano, mais de 3 milhões de picadas por ano, resultando em mais de 150.000 mortes, ou vários milhões de picadas e envenenamentos anualmente com dezenas de milhares de mortes.

Hoje em dia os acidentes por animais peçonhentos continuam a constituir um sério problema de saúde pública no Brasil, tanto pelo número de casos registrados, em média temos ao ano 20.000 casos de acidentes com serpentes, 5.000 com aranhas e 8.000 por escorpiões, quanto pela gravidade apresentada, podendo conduzir à morte ou a seqüelas capazes de gerar incapacidade temporária ou definitiva para o trabalho e para as atividades habituais de lazer. (MS (Ministério da Saúde) / FNS (Fundação Nacional de Saúde), 1998. Guia de Vigilância Epidemiológica. Brasília: MS/FNS.)

Segundo o Sistema de Informações de Mortalidade (SIM), para o período de 1990 a 1995 temos uma média anual de 132 óbitos por serpentes, 6 por aranhas e 38 por escorpiões. (Acidentes_por_animais_Peconhentos-Rosany_Bochner.pdf 2003.)

O crescimento desordenado dos centros urbanos propicia condições cada vez mais favoráveis à instalação e proliferação desses animais junto a esses centros, colocando em perigo tanto as pessoas quanto aos animais.

Problemas ecológicos

É preciso destacar que Projeto COBRAS BRASILEIRAS trata de animais de importância fundamental para o sistema ecológico. Estes animais são alguns dos principais reguladores naturais da população de roedores e insetos e que muito contribuem na prevenção de doenças e epidemias. A divulgação das informações deste projeto de forma acessível e dinâmica auxiliara na sua preservação.

Quando se fala em ecologia e preservação da fauna, é preciso levar em conta que o homem nada mais é do que uma das espécies que habitam este planeta e como tal tanto pode ser o predador como a presa.

Torna-se, portanto, muito importante a divulgação destes conhecimentos para a preservação de saúde publica e da fauna.

Banco de dados e Programa de Identificação

Propõe relacionar animais peçonhentos e não peçonhentos da fauna brasileira. O Brasil tem hoje catalogadas 366 espécies de serpentes, destas só 56 são peçonhentas.

Um banco de dados com informações técnicas e fotografias elaboradas, seguindo uma metodologia científica, feito especialmente para a identificação. Vai relacionar e diferenciar os animais peçonhentos e não peçonhentos, inicialmente da fauna brasileira, e na medida do possível de toda a América do Sul (como as extensões de Floresta Amazônica do Peru, Colômbia, Venezuela, Equador, Bolívia, Guiana, Suriname e Guiana Francesa).

Estes dados serão acessados através de um Programa de Identificação, criado especialmente para o Projeto. Com ele será possível não só identificar os animais utilizando vários tipos de dados como cor, forma, padrão de desenho, região, comportamento e outros, como também, por exemplo, escolher o local para um acampamento e ali saber quais os animais peçonhentos do local e seus comportamentos naquela época do ano, como também todos os locais de apoio como hospitais credenciados para soroterapia, Corpo de Bombeiros, Polícia Ambiental, CIT, Defesa Civil etc. existentes naquela região.

Cada animal terá sua página descritiva (ver exemplo) com informações necessárias para fornecer subsídios na tomada de decisões imediatas e vitais, bem como dados adicionais sobre habitat, hábitos, modos de preservação e cuidados nas residências.

Objetivos do Projeto

O Projeto COBRAS BRASILEIRAS vai produzir instrumentos de comunicação vitalmente necessários para ser utilizado por programas de saúde pública, incluindo: um Portal na Internet, um livro (Manual de Campo), DVD, livreto para crianças, e uma exposição de fotos para promover a conscientização pública.

Através do portal – www.cobrasbrasileiras.com.br – com fotos feitas para uso em identificação e executadas seguindo uma metodologia de visualisação científica, será possível a rápida identificação de víboras, serpentes, aranhas e outros animais peçonhentos da fauna brasileira, para auxiliar nos procedimentos iniciais do tratamento provocados em acidentes por animais peçonhentos e como referência de locais de apoio, ajuda.

O Projeto COBRAS BRASILEIRAS, permitirá que as comunidades mais carentes e mais distantes também tenham acesso às informações técnicas e fotográficas do seu banco de dados.

Os animais são importantes, os soros custam caro e os tratamentos médicos também. A economia de recursos humanos e financeiros, gerada por uma população informada e atenta, pode vir a ser muito grande.

Porém, para a população, estas informações precisam ser de fácil compreensão e rápido acesso. Milhares de livros guardados em bibliotecas não adiantam muito para quem pode ter poucas horas de vida!

A inexistência de fotos com qualidade para identificação; as estatísticas oficiais com a enorme quantidade de acidentes por animais peçonhentos; a falta de acesso rápido e de fácil compreensão às informações técnicas complexas; as conseqüências ecológicas da grande quantidade de animais sendo mortos inútilmente e a dificuldade que é a identificação destes animais, que matam ou incapacitam tantas pessoas à tanto tempo, foi o que nos motivou a criar o Projeto COBRAS BRASILEIRAS.

Este Projeto, por sua importância ecológica e por sua importância na saúde publica, transcende a simples identificação.

Saúde Pública — Identificação dos animais

A identificação do animal é de vital importância para a decisão do soro a ser aplicado. O soro antiofídico é específico para uma gênero de serpente não tendo efeito nas outras.
De preferência deve ser administrado nas primeiras 2 horas. O próprio soro antiofídico é perigoso e deve ser administrado sob cuidados médicos, pois pode ter efeitos colaterais graves.

A sobrevivência ou agravamento da saúde da vítima de animais peçonhentos dependerá muito das medidas iniciais adotadas e, dai, a importância de uma boa fonte de informações para a sua identificação

Importância da identificação das serpentes

Identificar o animal causador do acidente é procedimento importante na medida em que: - possibilita a dispensa imediata da maioria dos pacientes picados por serpentes não peçonhentas; - viabiliza o reconhecimento das espécies de importância médica em âmbito regional; - é medida auxiliar na indicação mais precisa do antiveneno a ser administrado. Apesar da importância do diagnóstico clínico, que orienta a conduta na grande maioria dos acidentes, o animal causador deve, na medida do possível, ser encaminhado para identificação por técnico treinado.

Manual de Diagnóstico e Tratamento de Acidentes por Animais Peçonhentos Ministério da Saúde — Programa Nacional de Controle de Acidentes por Animais Peçonhentos

Ecologia — Preservação destes animais

A preservação destes animais (cobras, víboras, serpentes, aranhas, lacraias, escorpiões, lagartas) depende muito da divulgação dos conhecimentos existentes sobre os mesmos, tanto para evitar mortes desnecessárias, quanto para evitar o manejo e soltura destes animais em ambientes errados.

Oferece perigo? Deve ser eliminado? Pode ser removido? Como e por quem? Um confronto pode ser evitado? Pode-se conviver com ele? Que medidas adotar para isto?

Por seu valor ecológico, os animais que não oferecem perigo não devem ser eliminados, pois são fonte importante em pesquisas para a nossa sobrevivência, bem como para a elaboração de antídotos e novos medicamentos.

Estes animais são alguns dos principais reguladores naturais da população de roedores e insetos e que muito contribuem na prevenção de doenças e epidemias.

Quem procurar ajuda para apanhar e remover algum ofídeo de sua propriedade, descobrirá que em muitas cidades não existe ajuda oficial “especializada”, só restando uma solução brutal: mata-lo, elimina-lo!Esta é a realidade ecológica do momento. O medo mata!

Com a atual expansão demográfica as conseqüências disto em poucos anos serão, no mínimo, catastróficas! Para os dois lados. Estes animais são tratados como se fossem descartáveis. O ato - “por via das dúvidas, mata!” - é algo absurdo que pode e deve acabar.

Uma das principais metas do Projeto é procurar, através de seus consultores, disponibilizar soluções viáveis para uma convivência com estes animais.

A solução está na educação. Quem conhece não teme! Só previne.

Objetivos do Projeto no futuro

O tema Acidentes com animais Peçonhentos é universal e será sempre atual enquanto existirem pessoas e estes animais.

Estamos criando um projeto que vai iniciar no Brasil mas que tem pretensões de ser mundial. Está sendo planejado para acrescentar outros países e continentes. Toda a parte técnica esta sendo criada prevendo isto.
Estamos utilizando programas e métodos mundialmente adotados na comunicação técnica e científica. Isto vai assegurar a portabilidade deste Projeto.

Os dados e informações serão sempre mantidos atualizados com a adição de novas técnicas e processos.

A equipe de consultores escolhida foi selecionada por sua capacidade, para não só garantir uma cobertura ampla e dentro dos mais recentes conceitos científicos, mas também por seu interesse e por poder dar continuidade ao Projeto. Nossa intenção não é criar um projeto estático, online ou impresso mas um movimento contínuo e eficiente de técnicos, profissionais e pessoas interessadas no assunto através dos anos vindouros.

Entendemos que as nossas pretensões são grandes mas as necessidades de um projeto desta envergadura também. Este será o primeiro passo de uma longa caminhada.

Fotografias e vídeos

b. alternatusEstes animais, para serem identificados corretamente, necessitam de imagens de alta qualidade fotográfica e e com detalhamento.

Fotos destes animais em seu habitat onde ficam camuflados, são quase inúteis para uso em identificação.

cascavelNosso objetivo não será a fotografia artística destes animais mas sim, fotos para uso em identificação, que serão executadas seguindo uma metodologia de visualisação científica. O tipo de fotos que iremos fazer não se encontram nos sites existentes na Internet.

Todos os animais serão fotografados com a mesma iluminação, o mesmo fundo neutro, os mesmos ângulos e posições.

A identificação será facilitada pela ausência de interferências visuais.

Na página de cada animal será apresentado mapa com a localização geográfica onde se encontra a espécie.

jararacussuEquipe de Consultores

(para mais detalhes clique aqui)

O Projeto conta com uma equipe de consultores de alto nível, todos profissionais em suas áreas e fazendo parte de Universidades e de instituições prestigiadas mundialmente neste setor:

Distribuição da informação

A preservação ambiental deve ser sempre baseada no conhecimento. E este conhecimento deve estar disponível da maneira fácil, rápida e a qualquer hora. O Projeto COBRAS BRASILEIRAS vai possibilitar isto através de:

  1. Portal na Internet com as informações técnicas e visuais necessárias.
  2. DVD com todas as informações existentes no site para consulta sem uso de Internet e que poderá ser adquirido no Portal.
  3. Livro que poderá ser adquirido em livrarias e bancas.
  4. Livro Infantil que poderá ser adquirido em livrarias e bancas.
  5. Versão digital, para download no Portal, em Adobe Acrobat®, e que poderá ser impressa pelo próprio interessado. Pode ser consultado independente de acesso a Internet.
  6. Versão digital, para download no Portal, no formato Adobe AIR®. Este formato possibilita a instalação de uma cópia interativa, em seu próprio computador, com todos os dados fotos, desenhos e mapas existentes no Portal. É uma fonte para consulta independente de acesso a Internet.
  7. Exposição fotográfica itinerante com as principais fotos de animais do Projeto e que estará à disposição de instituições, escolas, universidades e museus interessados.

Plano de Divulgação e Comunicação

Projeto COBRAS BRASILEIRAS será divulgado de diversas maneiras:

Quem irá se beneficiar com este Projeto

  1. Hospitais, Postos de Saúde, médicos, enfermeiros e pessoal relacionado.
  2. Veterinários, fazendeiros e todo o pessoal que trabalha no campo.
  3. Corpo de Bombeiros.
  4. Polícias e órgãos de defesa ambientail.
  5. Pessoas que vivem ou entram em contato com a natureza.
  6. Campistas, montanhistas etc.
  7. Estudantes e interessados. Crianças em todas as escolas primárias com acesso a Internet e nas suas residências também.
  8. Mundialmente através de sua versão em inglês.

Plano de reciprocidade para os patrocinadores:

  1. Oferecemos ao Patrocinador(s) fotos de seus produtos, ao lado de cobras, para uso em propaganda, folhetos, poster. Fotos de alta resolução e de alta qualidade sem custos extras e de uso exclusivo do Patrocinador(s).
  2. No Portal a ser veiculado na internet, será incluído o nome e a logomarca da(s) empresa(s) patrocinadora(s) (com link para sua página corporativa) e em todas as páginas com destaque.
  3. A tiragem inicial do Livro (Manual de Campo) será de 3000 (três mil) exemplares; 2000 (dois mil) para os Patrocinadores e 1000 (hum mil) serão distribuídos pela equipe do Projeto COBRAS BRASILEIRAS para Universidades, bibliotecas e órgãos afins.
  4. O(s) patrocinadore(s) receberão os exemplares dos livros onde será inserido o nome da(s) empresa(s) patrocinadora(s) com logotipo impresso.
  5. Será produzido e editado um DVD onde serão destacadas as empresas patrocinadoras que darão chancela ao Projeto, com registro de logomarca. Serão relacionadas as entidades apoiadoras institucionais do Projeto.
  6. Realizaremos uma Exposição Fotográfica itinerante sobre o Projeto que estará à disposição das instituições, apoiadores e patrocinadores em diversas comunidades pelo Brasil.
    A Exposição poderá ser realizada em escolas, universidades, museus, entidades, e demais locais de interesse da(s) empresa(s) patrocinadora(s).
  7. Os patrocinadores terão suas empresas mencionadas e as suas logomarcas impressas como referência de patrocínio, em todas as formas de divulgação e mídia do Projeto, que inclui a edição do Livro, o DVD, a Exposição Fotográfica e os materiais gráficos de apoio.

O Projeto COBRAS BRASILEIRAS é também um projeto aberto aos interesses sociais dos patrocinadores.

Poderá ser criado um espaço, tanto no livro, DVD e na Exposição Fotográfica, para que sejam mencionadas as atividades culturais mais significativas chanceladas pelas Empresas Patrocinadoras.

No caso de mais de um Patrocinador será feita uma consulta aos outros Patrocinadores interessados para evitar conflitos.

projeto@cobrasbrasileiras.com